2 de março de 2012

» por em Caixa de entrada

A primeira vez a gente nunca esquece [Caixa de entrada #1]


No processo de aprendizado, dúvidas são comuns, aparecem, “apertam a nossa mente”, mas é no esclarecimento delas que o real aprendizado acontece. Esse blog não é mais nada do que o fruto de muitas dúvidas, inquietações, pesquisas no Google, experimentos e desejo de compartilhar e ajudar os outros. Com alguns poucos posts publicados, nem havia “estreado” de fato o blog, tampouco esperava que meus textos fossem lidos (valeu, Google) e que ainda por cima receberia e-mails de pessoas com dúvidas. Inesperadamente, chegou o primeiro e-mail!

Complicou? Manda um e-mail pra cá que a gente descomplica.

E como manda o figurino, hoje estreamos a “caixa de entrada”, seção do Blog em que eu, periodicamente, esclarecerei as dúvidas de vocês sobre Tie Dye e todos os assuntos relacionados a essa forma de arte.

A nossa primeira dúvida veio de Fernanda de Freitas, de lá do Amazonas:

“estou trabalhando com tie dye e sou iniciante, faz um tempo que gostaria de aprender novas amarrações.
por favor , vc teria algum material pra me passar? gostaria de vender os tie dyes”

Com relação a novas amarrações, estou preparando todo um material que vai ajudar bastante vocês na criação de vários tipos de padrões, mas enquanto esses materiais não ficam prontos, este esquema simples de amarrações pode cair muito bem. Encontrei no blog do estilista Paul André.

Simples e de fácil entendimento, esse esquema apresenta novas formas para fazer o seu Tie Dye.

Simples e de fácil entendimento, esse esquema apresenta novas formas para fazer o seu Tie Dye.

Para tirar suas dúvidas, sugerir temas e até falar mal do vizinho, envie um e-mail para contato@mundotiedye.com.br.

  1. Gente, eu queria saber como fazer tie dye em um tecido grande, no estilo galáxia/universo. com as manchas juntas, mas bem aleatórias.

Leave a Reply