15 de julho de 2013

» por em Destaque, Iniciante

Como fazer Tie-Dye com corantes reativos


O corante reativo é um produto especial para tecidos de fibras naturais. Ele vem em pó, concentrado, dilui-se em água e se fixa basicamente  por conta de um produto químico: o carbonato de sódio. Com ótima solidez, intensidade das cores, ter um bom preço e render bastante, é o meu predileto(e de uma infinidade de artistas).

Exemplo de Tie-Dye feito com corantes reativos. Feito por mim! :)

Esse texto foi revisado no dia 15/07 e teve algumas informações atualizadas. Por conta disso, estamos trazendo-o de volta para os destaques do Blog. Vale a pena ler novamente!

A maioria dos guias deste blog serão feitos a partir do uso destes corantes. Infelizmente, essa categoria de corante não é muito famosa aqui no Brasil, a única linha comercial é a Colo[r]evoltion, da Guarany, que eu particularmente testei e não gostei (em breve escrevo um post explicando o porque).

Para comprar corantes reativos e os materiais químicos, acesse a loja virtual do Mundo Tie Dye.

Antes de falar sobre como manipular este corante, vale a pena dar uma olhada na “visão geral” do corante, já abordada aqui:

Prós:

  • Cores vivas e fortes, proporcionando resultados impressionantes;
  • Não desbotam com facilidade. Suas obras certamente durarão muitos anos;
  • É rápido: a fixação ocorre em no mínimo 2 minutos(método do vinagre+microondas) e no máximo de 24 horas(método tradicional, com carbonato de sódio);
  • A partir de 4 cores primárias(Ciano, Magenta, Amarelo e Preto) você pode criar praticamente qualquer cor que você quiser sem muita dificuldade;
  • É barato e rende bastante, por ser altamente concentrado: uma pequena quantidade de corante em pó produz uma grande quantidade de corante líquido. (ex: corante na cor amarela, em que 2 colheres de açúcar rendem 250ml de corante, sendo que esses 250ml rendem bastante quando aplicado na obra);

Contras:

  • A preparação do tecido envolve submetê-lo a um banho em um material quimico, o carbonato de sódio.
  • O corante deve ser diluido em uma mistura de água morna e uréia, o que pode dar um pouco mais de trabalho.
  • Por se tratar de um processo químico, todo o trabalho deve ser feito com luvas de borracha.

 

Tie-Dye com Corantes reativos

Os tópicos que serão abordados são:

  • Entendendo os corantes reativos
  • Diluição dos corantes
  • Criação de cores
  • Carbonato de sódio: o que é, preparação e utilização.

 

Entendendo os corantes reativos

Os corantes reativos obedecem o padrão CMYK (Ciano*, Magenta, Amarelo e Preto**), o padrão mundial de cor/pigmento. Já reparou quais as cores dos 4 cartuchos da impressora? Pois é. Portanto a partir dessas 4 cores primárias, você pode criar praticamente todas as cores possíveis.

Escala CMYK

A partir daqui que a magia acontece.

Primeiro passo, diluição da uréia

Uréia é um elemento opcional neste processo. Não é obrigatório utilizá-la para diluir os corantes, porém é altamente recomendado. A adição deste material na sua mistura pode fazer uma grande diferença no resultado final, pois proporciona uma melhor diluição do corante com a água, ocasionando cores mais fortes e vivas ainda em suas obras. Os corantes devem ser diluidos em uma mistura água + uréia. Para diluir a uréia, siga o esquema abaixo:

Tabela de dissolução: Carbonato de Sódio e Uréia

Diluição dos corantes

Como os corantes reativos vem em pó e, sobretudo, bastante concentrados, é necessário diluir esse corante em uma mistura de água morna + uréia(opcional). Como recipiente, recomendamos bisnagas de plástico, garrafinhas simples com bico aplicador. Para diluir os corantes corretamente, basta seguir o a nova tabela abaixo:

 

Tabela de dissolução: Corantes reativos*: Para essas quantidades, utilize um copo medidor.

Informação importante: Caso a fixação do corante não esteja a ideal, pode ser necessário aumentar um pouco a proporção de corante e uréia na mistura. Sinta-se livre para adicionar um pouco mais de material, sem exageros.

 Criando cores

A partir das cores primárias, é possível criar qualquer cor que esteja na escala CMYK, basta fazer as misturas obedecendo as proporções abaixo:

Magenta(90%) + Amarelo(10%) = Vermelho
Vermelho(50%) + Amarelo(50%) = Laranja
Amarelo(50%) + Turquesa(50%) = Verde
Turquesa(90%) + Magenta(10%) = Azul Puro
Turquesa(50%) + Magenta(50%) = Roxo

Ou seja: caso você queira criar 100ml de corante Vermelho, basta colocar 90ml de corante Magenta e mais 10% de corante Amarelo. As quantidades não precisam ser exatas, basta apenas ter uma noção de quantidade.

Uma ferramenta bem interessante para inventar cores é o Adobe Kuler. Clique no link e leia o post para você aprender a criar e entender padrões de cor CMYK.

Tons de cores

Para criar tonalidades de cores diferentes, basta seguir essa fórmula:

  • Para tons mais escuros, adicione corante preto.
  • Para tons mais claros, adicione água.

Dica: Prepare logo de vez 2l de cada cor primária e guarde-as em garrafas pet. Como geralmente as garrafinhas utilizadas são de no máximo 500ml, é sempre bom ter um reserva. Além de economizar tempo você também ajudará a natureza, ao reaproveitar as garrafas que provavelmente seriam jogadas no lixo.

Feitos os corantes, é hora de conhecer o terceiro elemento dessa mistura, o carbonato de sódio.

Carbonato de Sódio (Soda Ash)

O Carbonato de Sódio, ou Soda Ash, é o componente químico que faz ser possível a reação entre o corante e a camisa. Aqui usaremos a técnica chamada de tingimento a frio, onde ao invés do calor o corante é fixado por este produto quimico.

Carbonato de Sódio(Soda Ash)

Preparação
Como o carbonato vem em estado sólido, é necessário também dilui-lo em água. Para isso, use a mesma tabela que já postamos antes:

Tabela de dissolução: Carbonato de Sódio e Uréia
*: Para essas quantidades, utilize um copo medidor.

Como se trata de um material químico, é importante realizar esse procedimento com alguns itens de segurança. Utilize luvas, máscara, e de preferência realize o procedimento em um local aberto. Com o auxílio de uma colher, misture até que todo o carbonato esteja diluído.

Deixe o tecido por 15 minutos imerso na solução

Utilização
A utilização do carbonato é bem simples. Basta apenas prepará-lo em um galão de água ou um balde e deixar o tecido na solução por no mínimo 15 minutos, porém recomendamos que você deixe por uns 40 minutos, porém não por mais do que 24 horas.

Após esse tempo, retire o excesso de carbonato (pressionando levemente o tecido) e comece a dar vida à sua criatividade. Agora que você já entendeu como funcionam os corantes reativos, é hora de meter a mão na massa. Veja o nosso guia de como fazer tie-dye em espiral com corantes reativos.

Fixação do corante


A fixação deste corante funciona de forma muito simples: após tingir o tecido, guarde a peça em um saco plástico, vasilha, ou qualquer outra estrutura que você possa fechar e vedar. Como a fixação de acelera no calor, quanto mais quente/abafado o ambiente, mais rápido o processo vai acontecer. Ou seja: Jamais coloque sob o sol, deixe de preferência dentro de um guarda-roupa ou um armário qualquer. O tempo médio para a reação acontecer é de 24 horas, porém descobrimos ultimamente que deixar o tecido curar por mais tempo (2 ou 3 dias) melhora consideravelmente os resultados da fixação.

Informação importante: Existem vários métodos e truques para melhorar a fixação do corante reativo no tecido. Para conhecer alguns deles, clique aqui.

Fixado o tecido, dá-se início do processo de…

Lavagem
A lavagem do tecido é muito simples: tire-o do saco, lave com sabão neutro e água corrente. Quando você começar a lavar o tecido e não sair mais tinta nenhuma, coloque a peça para secar. Deixe a natureza agir e seu tie-dye estará pronto!

Com tempo e experiência, você poderá fazer obras como essa utilizando corantes reativos

Em resumo…


Como foram abordados muitos pontos aqui, cabe um  resumo do processo todo:

  1. Lavagem do tecido com sabão neutro, o corante será aplicado no verso do tecido;
  2. Diluição dos corantes (com uréia) e do carbonato de sódio;
  3. Dobragem e amarração do tecido;
  4. Mergulhar tecido no carbonato de sódio (entre 15 e 45 minutos);
  5. Tingimento do tecido;
  6. Guardar peça em um saco plástico e deixar curar por um período de 24 a 72 horas;
  7. Lavagem e secagem da peça;

Dúvidas frequentes

  • A uréia é utilizada juntamente com o corante, na preparação do corante líquido.
  • O carbonato de sódio é o material reagente do corante. Deve ser preparado em solução isolada para receber o tecido, que ficará mergulhado na solução por um período de 15 a 45 minutos.
  • Para melhorar a fixação do corante reativo, clique aqui.

 

O que achou de nosso post? Envie suas dúvidas e sugestões para contato@mundotiedye.com.br, use os comentários abaixo e converse conosco!

Você gostou desse post? Clique em curtir e contribua para que

nosso conteúdo chegue a mais pessoas!

Paz e positividade!

  1. Layane Carvalho disse:

    olá, gostei muito desse corante, sempre usava aquele tipo guarany, que desbota muito rápido, agora quero começar a fazer algumas pra eu vender para amigos, e vi que esse corante é muito melhor, além das cores serem vivas e não desbotarem é possível fazer mais técnicas, por isso queria pedir pra, se possível, você postar mais coisas sobre esse tipo de corante, ficarei muito grata! 

    •  Olá Layane, pode ficar tranquila! Já estou preparando mais guias de tie-dye com os corantes reativos e vou postar ainda nessa semana! Acompanhe o blog que tem novidade vindo por ai!

  2. Nossa cara você mandou muito bem nesse post, tudo bem explicado.
    pratico essa arte e já usei o Color Revolution e também não gostei … 
    vou acompanhar seu blog :)

  3. Oi Fábio!! 
    Acabei de ver que vc já está vendendo os corantes reativos!! Vou comprar pra testar! Atualmente uso os da guarany… Mas me fala uma coisa, esse tempo de reação que vc falou aqui no post de 24 horas, pode ser acelerado colocando no microondas?!?

    Abraço!! 

    • Olá, Ana Lu! O processo pode ser acelerado sim com o método do microondas! Eu já abordei esse assunto, mas estou devendo um post bem explicado! O processo é o seguinte:

      O método do microondas é semelhante ao do ácido. Você deve deixar a peça totalmente imersa em Vinagre(ele vai substituir o carbonato de sódio) durante 30 minutos. Depois disso, tire o excesso de vinagre e faça as dobras e amarrações. Faça a pintura e coloque a peça dentro de um saco plástico grande (pois ocorrerá expansão de volume). Coloque no microondas na temperatura máxima durante 2 minutos. Eu recomendo que você desligue o microondas a cada 30 segundos, caso contrário o saco pode explodir e fazer a maior meleira em seu aparelho.

      Depois dos 2 minutos, tire a peça (com cuidado, por que vai estar muito quente) e faça a lavagem.

      Abraços!

  4. Muito bom seu blog. Muito informativo. Mais tarde, vou ler mais detalhadamente.

  5. Bruninhoalexg disse:

    aqui ng vende? deixo o meu contacto . bruninhoalexg@live.com.pt

  6. Pintei hoje Fabio!! Amanha vou ver o resultado!!! Helena Correa

  7. Cida Moreira disse:

    OI Fabio !
    Não entendi o processo direito após usar o carbonato faço o tie day usando os corantes e depois coloco num saco de plastico para a fixação ? as cores não se misturam não fica borrado o trabalho do tie dye? posso fazer este processo na tecnica do Batik depois de usar o carbonato colocar o corante usando o pincel só que o tecido estendido num bastidor ?. Estes corantes posso usar em seda natural ? e o fixador também ?
    Desculpa por fazer várias perguntas ao mesmo tempo mas fiquei muito interessada neste processo já fiz alguns trabalhos em tie day mas com corantes em tubos eu pinto cangas mas em tecido sintéticos musseline e chifon eu desenho pintando .Mas sou apaixonada pela técnica do batik e tie day e sónão faço muito pois o procedimento com o corante a quente é muito trabalhoso ..Ficarei grata se puder responder minhas inumeras kkk perguntas.

    Abraços
    Cida Moreira

  8. Olá, Fábio!
    Recentemente comprei a ureia, o carbonato de sódio e o corante preto com o objetivo de pintar uma jaqueta de algodão.
    Lendo essa postagem, tive algumas dúvidas.
    O primeiro passo para pintar um tecido é colocá-lo em um balde com a dissolução de água, ureia e carbonato de sódio por 15 minutos. Depois disso, retirar o excesso e colocar o tecido mergulhado no corante diluído em água. É isso mesmo?
    Desde já agradeço a informação,
    Fernanda

  9. Porque o color revolution é ruim?

    • Olá Ana Luiza!

      Esse assunto rende um post inteiro! Mas existem dois motivos muito simples para você fugir dessa linha de corantes:

      1) Material caríssimo! Em alguns lugares o kit chega a mais de R$10, sendo que contém o material para apenas 150ml de corante. Com o mesmo valor você pode criar uns 5l de corante diluido!

      2) O carbonato de sódio (que já colocam dentro da garrafinha), então você tem que diluir o material interno e usar logo! Se passar um tempo e você não usar, o carbonato vai perder a força e as cores não vão “pegar” no tecido.

  10. No lugar da bisnaga de plástico, pode ser usado um borrifador?

  11. Oi Fabio!Quero comprar os corantes com vcs.Mas está dando erro no site.Como posso fazer?Um abraço!
    Mary

  12. Oi Fábio, gostaria de saber o que acontece com algumas cores, por ex o magenta, o vermelho e o preto desbotam mto, enquanto colocamos na água vai saindo a tinta, o que compromete o resultado final, pq qdo a peça está seca fica com aspecto de roupa mto lavada e velha.Teria algum outro meio de fixar a cor sem usar o carbonato, pq fico com a impressão que o carbonato deixa oa algodão envelhecido por isso depois de feito o tie dye fica com esse aspecto envelhecido ,entende?Estou usando a malha 30.1 cardada, será que teria que usar uma malha diferente?Fiz um teste numa maha 96% elastano e 4% de algodão ficou simpelsmente lindo!Cores vivas sem parecer mto lavada.Obrigada pelas dicas.Espero retorno.Beijos

    • Olá Mary, tudo bom?

      Tenho percebido algumas distorções também e tenho percebido que, como você mesma falou, a qualidade do tecido faz toda a diferença. Em tecidos de algodão fio 30, o método alternativo do microondas tem gerado pouquissima sangria. Vou escrever um guia sobre esse método e colocar aqui.

      De qualquer forma, já tive oportunidade de trabalhar com peças de algodão de melhor qualidade e os resultados ficaram sensacionais! Acho que precisarei estudar mais esse assunto envolvendo qualidade do tecido x qualidade do tingimento.

      Obrigado pela contribuição!

    • santina rodrigues disse:

      oi fábio tudo bem, estou fazendo um trabalho de conclusçao, não estou encontrando o setor de qualidade dos tecidos tingidos com corantes reativos. eu quero saber o processo de qualidade dos artigos acabados. favor pode me mandar o método da revisão da qualidade .muito obrigado santina rodrigues.

  13. Fábio, tudo bem? Gostaria de fazer uma camiseta em degradee e terei que ter o maior cuidado para que as cores não manchem; neste caso como vou colocar para secar? como é o processo do microondas? obrigada. Roseli

  14. Oi Fábio, td bem?Então, uma amiga de MG me ensinou ao invés de usar o carbonato pra mergulhar a camiseta, molhar na água com sal e soda bé.E depois do corante dissolvido colocar silicato e soda bé nele pra ajudar na fixação.E no pós enxague usar um produto chamado Dekol .pra não soltar tinta qdo lavadoO que vc acha disso?Achei mto chatinho de trabalhar com a soda bé pq como as proporções são minimas precisam ser medidas com seringa de insulina.E o silicato depois de colocado no corante tem que ser usado dentro de no máximo 30 min.O que eu achei que limita mto nos uso de cores, pq acabo tendo que preparar somente 40ml por cor pra não perder o que sobrar.Vc tem alguma informação a respeito?Pq na verdade depois que ajustei a quantidade de corante a ser diluida o aspecto de velho não rolou mais…rsrs.Te enviei um e-mail a uns 10 dias atras querendo comprar material e não obtive resposta.Como tinha encomendas, tive que me virar .Espero que tudo esteja bem com vc.
    Obrigada!Abraços

  15. Boa noite, eu gostaria de comprar o vosso material, mas estou nos Açores (Portugal) podem mandar para aqui?

  16. olá fábio, vou ter que deixar a camisa 15 minutos antes de tingir, na mistura de carbonato + uréia? abraço!

  17. Olá Fábio vc disse que podemos preparar os corantes e guarda-los em garrafas de 2 litros. Eles tem um prazo de validade ou posso guardar por tempo indeterminado?

  18. Oi Fabio! Eu quero fazer um ombré num par de cortinas de linho piso-teto, ou seja, MUITO tecido. Tenho algumas dúvidas:

    1 – quanto tempo devo deixar o tecido de molho nesse corante pra pegar bem a cor?

    2 – como meu projeto é muito grande e quero uma cor mais homogênea (sem marcas de dobra de tecido, e com linhas de tom bem definidas) tenho medo de colocar num saco plastico e manchar tudo, porque não teria como fazer isso sem dobrar ou amassar o tecido. Esse passo é realmente necessário? Não posso simplesmente estender a cortina na sombra e deixar assim as 24 horas antes da lavagem?

    3 – depois de finalizado o processo, posso lavar o tecido na máquina normalmente?

    Mais uma coisa, estou pensando num tom coral forte, que mistura voce recomenda?

    Obrigada!!

    • ainda bem que achei sua loja, é impraticável fazer tingimento a quente com essa quantidade de tecido, e o corante reativo da Guarany é caro demais pra quantidade que preciso :/

    • Olá Lu, tudo bom? Vamos lá, vou responder a sua pergunta ponto por ponto:

      1 – 24 horas é o suficiente para o corante fixar no tecido.

      2 – É necessário isolar e “abafar” o ambiente sim, para que a reação possa acontecer. Por outro lado, não necessariamente você precisa enrolar o tecido no plástico, você pode pegar uma caixa plástica grande e deixar o tecido curar nesse local.

      3 – Sugiro que você primeiro tire o excesso de corante na pia e depois jogue na máquina, mas não misture com nenhuma outra peça, por que provavelmente o tecido ainda vai “sangrar” um pouco.

      Bom, quanto as cores, use sua criatividade! Uma progressão que gosto muito é a de Amarelo, Laranja, Vermelho, Vermelho Escuro, Lilás, Lilás Claro, Turquesa, Turquesa Claro, Amarelo, e ai vai..

      Paz e positividade!

  19. Para preparar o carbonato de sódio e uréia, deve diluir em água morna??
    Abraço

  20. eai Fabio! seus kits vem para sao josé dos campos(sp)? onde encontro essas tintas reativas para vender? é fácil de achar? valeu!

  21. Odete Costa disse:

    Gostaria de saber se posso usar essas tintas reativas em sedas e outros tecidos que não seja o algodão para fazer outras técnicas de pintura, por exemplo usando guta

  22. Qual tintas vocês se referem, e onde posso encontra-las? O carbonato de sódio onde posso comprar e a Uréia? Obrigado

  23. Iza Valente disse:

    Estou me deliciando com seu site…..serei sua freguesa na loja assim que acabar com os corantes que comprei…..que não são muitos……
    Dúvida: dilui os corantes ontem, usei um tanto e o que sobrou está nas garrafinhas de plástico; para usar novamente, tenho que aquecer ?? Se sim, pode ser no microondas direto no recipiente plástico ?? Obrigada, Iza

  24. Blues Waves disse:

    Olá,

    Estou pensando em adquirir os corantes, porém gostaria de ter a certeza de que eles resistem, por que já estraguei diversas camisetas usando o corante em pó guarany. As camisetas desbotavam na segunda lavagem, e eu tinha que tingilá-las inúmeras vezes com água quente no corante, o que estragou o tecido de algodão! Gostaria de saber se esse é o corante que os americanos usam em seus vídeos ensinando a fazer tie-dye? Vi alguns vídeos estrangeiros e eles usam um corante mais vivo e mais forte, que provavelmente não desbota também.

  25. Adriano Silva Vianna disse:

    aii Fábio, só uma pergunta básica…

    tem algum problema em colocar a camisa já tingida no fixador, ao invés de coloca-la primeiro no fixador e depois tingir?

  26. Helena Sanchez disse:

    Fábio, como faço para comprar o corante reativo com você? quanto tempo demora para chegar e qual o valor? estou precisando com muita urgência. Quero produzir um material para vender na temporada aqui em Ubatuba, cidade em que eu moro. Obrigada!

  27. Nossa meu, que trabalho fantástico!
    Gostaria de saber como eu faço para comprar os corantes. Pois estou afim de começar a tentar fazer algo do tipo.

  28. Felippe Costa disse:

    qual o melhor tecido para fazer o tingimento?????

  29. Oi pessoal, comprei 100g de cada cor. quantos litros dá pra fazer com 100g?

  30. Jordana Alves disse:

    O problema é achar esse carbonato de sódio pra vender, parece que não vendem pra qualquer pessoa.. :/

  31. Suélen Dagostin Gislon disse:

    No caso eu usaria a solução de Uréia para diluir os corantes ao invez de utilizar somente a água?
    E quais tipos de corantes você me indicaria para tingir jeans?
    Obrigada!

  32. Ana Claudia Oiticica disse:

    Olá Fabio, pinto tecido a muito tempo e uso uma anilina reativa comprada na Francor em São Paulo. Para fixação tenho usado silicato de sódio alcalino, mas mesmo assim ha muita sangria. Para o preto costumo usar barrilha. Mas tenho dúvidas até hoje se estou fazendo certo. Tenho conseguido cores muito bonitas mas meu medo é que descorem com o tempo. O que mais devo usar? Desde já, grata. Ana Claudia Oiticica.

  33. Queria sabe: na diluição das tintas é pra colocar SODA ASH também ou só UREIA ??

    Coloquei Soda ASH e terminou que o pó da tinta não diluiu completamente na água, sempre quando em repouso, o pó senta no fundo do recipiente.

  34. Bom dia,como compra o kit? Tenho interesse.

  35. Giulia Espir disse:

    Boa Noite.
    Por quanto tempo a mistura fica viável depois de feita? Posso deixar a mistura feita mais de um dia ou tenho q utilizar no mesmo dia?

  36. Pedro Sumiyoshi Refosco disse:

    Queria saber se pintar uma blusa moletom ficaria bom.

Trackbacks/Pingbacks

  1. Como fazer Tie-Dye em espiral | Mundo Tie Dye - [...] – Esse guia foi feito utilizando-se corantes reativos, mas você pode utilizar qualquer um, pois a lógica é a ...
  2. Degradê, Espiral e mais dúvidas [Caixa de entrada #2] | Mundo Tie Dye - [...] carnaval.  Depois dos novos posts sobre tie-dye em espiral e um guia sobre como fazer tie-dye com corantes reativos, ...

Leave a Reply